O AUTÔMATO

O AUTÔMATO 

(espetáculo adulto de Teatro e Animação de Objetos)

Teaser: https://youtu.be/Os8HI4cJbtU

 

Um boneco autômato se vê forçado a reviver sua história quando os objetos que o rodeiam começam a funcionar e a resgatar lembranças e acontecimentos de um passado no qual ele acreditava que era possível se converter em ser humano.

Sinopse:

Pode o homem criar vida a partir de uma máquina e dar a ela emoções, percepções, inteligência? É cabido a ele tentar se igualar ao Criador?

Os relógios ainda avisam que a vida humana é finita, apesar dos sentimentos e das lembranças durarem mais. O tempo responderá…

…ou não.

De qualquer maneira, o abandonado Autômato ainda funciona…

 

Contemplado pela 28ª edição do Programa de Fomento ao Teatro, o espetáculo O AUTÔMATO faz parte do projeto Teatro Mecânico: a tecnologia aplicada ao teatro de bonecos, que dá continuidade à pesquisa que o grupo Teatro de la Plaza vem realizando no desenvolvimento das múltiplas capacidades do ator-bonequeiro por meio da mistura da linguagem do Teatro de Bonecos, Objetos e Animação com outras linguagens.

 

FICHA TÉCNICA:

Direção: Héctor López Girondo

Ideia Original e Dramaturgia: Fábio Parpinelli

Elenco: Fábio Parpinelli e Gustavo Martins

Manipulação de objetos: Afonso Braga e Gustavo Martins

Cenógrafo e Figurinista: Miguel Nigro e Liz Moura

Traquitanas e Maquinária Cênica: Héctor López Girondo

Assistência de direção, Iluminação e Operação técnica: Luz López

Design Gráfico: Kleber Góes

Assessoria de Imprensa: Amália Pereira

Fotos: Berenice Farina Da Rosa

Realização: Teatro de la Plaza

1 Comment

  1. Felipe Islleid disse:

    Assisti à esta peça no Teatro Sesi de São José dos Campos, foi incrível! Do começo ao fim fui levado pela história e adorei a viagem nela. Fiquei de boca aberta com o final, pensativo, levei para casa o questionamento sobre o que tinha acontecido ali. O figurino e o cenário é de uma delicadeza e feito com muito carinho, da pra ver, as maquinas são divertidas e trazem alento para o coitado do Autômato. Muito obrigado por me proporcionar essa experiência magnífica. Levo no coração essa peça, que me deixou com uma pulga atrás da orelha e me encheu o coração de Arte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

doze − 3 =